Pseudociência

O jornal Público relata, na sua secção de ciência, que mulheres com quociente emocional mais elevado têm mais orgasmos. O artigo diz que um estudo feito no King’s College, de Londres, chegou a esta conclusão depois de interrogar 2035 mulheres de uma base de dados de gémeos. O estudo consistiu num conjunto de perguntas, para determinar o Quociente Emocional das mulheres, que continha perguntas sobre os seus hábitos sexuais; a idade das mulheres distribuía-se entre os 18 e os 83 anos.

Um estudo deste tipo só permite conclusões pseudocientíficas. Por exemplo, quem nos diz que o dito QE não está relacionado com a idade, assim como a frequência de orgasmos? Nesse caso, o estudo apenas estará a relacionar dois aspectos, ambos dependentes da idade. Mas há muito mais reservas a pôr a esta metodologia.

Que um artigo destes apareça como fait divers, ainda vá, mas na secção de ciência é desprestigiante para o jornal. O Público tem a desculpa de a notícia ter saído primeiro na New Scientist, aqui com a agravante de dizerem que as mulheres com elevado QE (EQ em inglês) são mais emotionally intelligent. A New Scientist deveria ser uma revista de divulgação da ciência e não devia publicar artigos destes.

Anúncios

1 Comentário

Filed under sociedade

One response to “Pseudociência

  1. Pode ver mais pseudo-ciência aqui:

    Terá Einstein errado?
    Peter Hayes escrutina o legado de Nobel da Física

    http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=31339&op=all

    http://www.cienciahoje.pt

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s