Maculinea alcon

Conhecida em Portugal como a borboleta azul do Alvão, está na lista das espécies em extinção em vários países mas o número de indivíduos tem vindo a aumentar no Parque Natural do Alvão. O lado inferior das asas apresenta um padrão característico de manchas pretas mas o lado superior é de um azul brilhante. Como é habitual nas borboletas, os tons sombrios são produzidos por pigmentos mas as cores brilhantes resultam da distribuição regular de escamas microscópicas que origina um espalhamento coerente da luz branca (coherent scattering).

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s