A internet não estupidifica

A entrevista de Don Tapscott, que aparece hoje no Público, deixa claro que a internet não está a tornar os jovens mais estúpidos e que o tempo que eles gastam on-line é retirado à televisão, muito mais do que aos amigos.

Tenho dito em vários locais e já escrevi aqui, que vejo a internet como uma inteligência planetária em emergência, que até designei por Cérebro do Planeta. Quando analisamos o que de bom e de mau se troca na internet podemos ou não ficar chocados com o balanço mas se fizermos um pouco de introspecção, relativamente aos nossos próprios processos mentais, não vamos encontrar muito lixo até à formação de uma ideia final?

A internet faz parte do processo evolutivo global, o mesmo que fez aparecer sobre a Terra o homo sapiens; é, em certa medida, a mente de um ser de nível superior, que se estende a todo o planeta. Não temos que ficar intimidados com a ideia deste ser global, porque ele não se vai transformar num big brother nem vai tolher o nosso livre arbítrio.

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under sociedade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s