Tag Archives: Lisboa

Gelo noutros tempos

Lembro-me de ter lido, há quase 40 anos, num livro antigo, uma receita para fazer gelo, que envolvia várias misturas; não tomei nota da receita nem da referência do livro e hoje é quase impossível recuperar quer um quer o outro. A questão voltou-me à memória na semana passada, quando alguém se referiu à Real Fábrica do Gelo, em Rio Maior, e eu pensei, erradamente, que poderia lá ter sido usada a tal receita.
É possível que a receita perdida fosse para produzir nitrato de potássio (salitre), o qual seria dissolvido em água, baixando a temperatura da solução a ponto de permitir congelar líquidos que se encontrassem num recipiente nela mergulhado. O processo parece ter sido desenvolvido por um médico espanhol a residir em Roma, de nome Basilius Villaverde, em 1550, e vem descrito a partir da página 339 do livro “A History of Inventions and Discoveries”, de John Beckmann, tradução inglesa de William Johnston, Vol. III, 2ª Ed., 1814, disponível em Google Books. Embora tenha sido declarado que se poderia chegar à temperatura de congelação por dissolução de salitre em água, não há notícia de que alguém o tenha, de facto, conseguido usando água líquida; para se obter gelo era necessário usar uma mistura de neve e salitre.

Quanto à Real Fábrica do Gelo, vim a descobrir documentação no Museu do Cadaval e aí fiquei a saber que foi construída em 1741 e que funcionava pela congelação natural da superfície da água em grandes tanques com 10 cm a 15 cm de altura de água, nas noites de inverno, sendo o gelo recolhido de manhã e transportado para silos onde era compactado e armazenado até ao seu transporte para Lisboa. Nada tinha que ver o processo usado na fábrica do gelo com a receita do século XVI, portanto. Fiquei também a saber da criação da Casa da Neve, em Lisboa, onde hoje se situa o Martinho da Arcada.

Deixe um comentário

Filed under sociedade

Qualidade de vida em Lisboa

Imagem do Público

A cidade de Lisboa tem aparecido bem classificada em estudos vindos do estrangeiro, aparecendo como uma cidade boa para se viver ou visitar; os lisboetas, no entanto, não têm uma opinião tão favorável da cidade onde vivem.

O Instituto de Ciências Sociais fez um estudo, citado pelo Público, de onde se conclui que preço e disponibilidade de habitação; estado do trânsito; oportunidades de emprego; estacionamento; qualidade do ar; ruído; segurança e policiamento; e, finalmente, a limpeza urbana, prejudicam a qualidade de vida que é, ainda assim, considerada razoável.

Deixe um comentário

Filed under sociedade

O último a rir

O último a rir vai ser Rui Rio, porque António Costa e Isaltino Morais assinaram com a Red Bull um contrato ruinoso, sem terem o cuidado de ler bem todas as cláusulas. Vão pagar muito mais do que pagavam o Porto e Gaia e estão impedidos de obter receitas publicitárias, porque cederam o exclusivo à Red Bull.

Deixe um comentário

Filed under sociedade

Iluminação com LEDs em Lisboa

O artigo que aqui escrevi sobre a primeira rua com iluminação pública por LEDs, é aquele que mais consultas recebe e é, de longe, o mais comentado de todos os meus artigos. Essa rua situa-se numa freguesia de Pombal e agora é a câmara de Lisboa que tem em avaliação a iluminação por LEDs, com ensaios no Parque Eduardo VII e no Jardim Amália Rodrigues (ver no Público de ontem). Porque se trata de um desenvolvimento importante, não quis deixar de mencioná-lo.

Deixe um comentário

Filed under sociedade